ISP Saúde Blog

Ultrassom terapêutico de baixa potência

Como o Sonopulse III pode me ajudar?

 

O Ultrassom é uma modalidade amplamente utilizada para diversos objetivos, desde métodos de diagnósticos a reabilitação. O Ultrassom utilizado com fins terapêuticos possui características específicas, como as frequências que variam de 0,75 a 3 Mhz, até 5 Mhz e potência entre 0,1 a 3,0 W/cm2. O que os diferencia é o tamanho da ERA (Área Efetiva de Radiação) e a quantidade de cristais em cada aplicador.

 

Conheça o Sonopulse III, da Ibramed, um modelo compacto, leve e super prático. Possui duas frequências, de 1 e 3 Mhz, sendo versátil, pois atinge diferentes profundidades. Indicado na Reabilitação e Estética e ainda possibilita terapia combinada, onde consegue-se emitir ultrassom associado a correntes ao mesmo tempo.

Com um equipamento da Linha Neurodyn e um cabo específico, esta terapia otimiza o tempo e o resultado!

Quais são as principais indicações do Sonopulse III?

Utilizado na estética para tratar celulites, auxilia na redução da gordura localizada, fibroses e aderências, pré e pós-operatórios, entre outros. Na reabilitação, para dores musculares, neuralgias, dores reumáticas, edemas e inflamações que acometem tendões, bursas e articulações, além de sonoforese, que é a permeação de ativos.

O que é Terapia Combinada? E como realizar esta técnica com o Sonopulse III?

É o uso simultâneo de duas modalidades terapêuticas associadas em uma mesma área corporal. Por exemplo, correntes+ultrassom. O profissional adquire um cabo especial para terapia combinada e também um equipamento com correntes de média e/ou baixa frequência da mesma marca (Ibramed). Podem ser o Neurodyn Esthetic, Neurodyn 10 canais e Neurodyn Compact, onde os equipamentos são conectados através do cabo, tendo ao mesmo tempo o estímulo das correntes e do ultrassom.

O eletrodo que sai do neurodyn é colocado a 15 ou 20 cm do local de aplicação, onde o cabeçote deve fechar o campo elétrico, fazendo o papel do segundo eletrodo, aumenta-se a intensidade do US e da Corrente, nos aparelhos separadamente, ele estarão conectados pelo cabo, conforme a sensibilidade do paciente ou objetivo do tratamento.

sonopulse-iii-3-

Quando utilizar a frequência de 1 Mhz e de 3 Mhz? No ultrassom, a frequência é inversamente proporcional, quanto maior, menor a penetração. A frequência de 3 Mhz é, portanto, mais superficial que a frequência de 1 Mhz.

Ultrassom Contínuo ou Pulsado? As ondas do ultrassom podem ser aplicadas de forma pulsada ou contínua. O ultrassom contínuo tem efeito térmico dominante, enquanto o efeito mecânico predomina no pulsado. Então quando se objetiva o aumento de temperatura local, utiliza-se o modo contínuo.

Quando o objetivo é atérmico (inflamações ou processos agudos), se utiliza o modo pulsado. Quais são os efeitos térmicos do Ultrassom? Fisiologicamente aumenta a circulação sanguínea local, despolariza as fibras nervosas ascendentes, aumenta a extensibilidade dos tecidos ricos em colágeno, reduz espasmos musculares, alivia a dor e reduz os processos inflamatórios crônicos.

Quais os efeitos mecânicos ou não térmicos do ultrassom?

Estímulo de regeneração dos tecidos, reparo do tecido ósseo, tecido mole, síntese de proteína, redução de espasmos, normalização do tônus e processos inflamatórios agudos. Como eu sei se meu aparelho de Ultrassom está funcionando? Existe uma maneira de fazer o teste de emissão, você pode colocar algumas gotas de água em cima do cabeçote e colocar intensidade no seu equipamento e dar início a terapia.

A vibração nas gotas de água, dependendo da intensidade, elas podem até eclodirem. Este teste deve ser o mínimo de tempo possível, pois a falta de meio condutor pode queimar o cristal que fica internamente. O meio condutor do ultrassom sempre vai ser a base de Gel.

 

Postado em: Estética, Geral, Saúde e Bem Estar
Compartilhe:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *